18.10.12

Azul e Trip definem nova sede, em Barueri



Depois de ter amargado um prejuízo estimado em cerca de R$ 10 milhões com a paralização do aeroporto de Viracopos no final de semana, a Azul  confirmou hoje a definição de sua nova sede conjunta com a Trip já que a partir de dezembro somente o nome Azul será a marca da empresa. A companhia vai ocupar três andares de uma das torres do Castello Branco Office Park, em Barueri, próximo ao Shopping Tamboré.

A definição acontece enquanto se espera a aprovação do processo de fusão que aguarda aprovação das autoridades do governo.  Já a Universidade corporativa, a UniAzul, ficará mesmo em Campinas, funcionando como o único centro de treinamento com quatro simuladores de voo no país, 2 ATR e 2 Embraer. Um amplo prédio está sendo construído para o treinamento dos pilotos, comissários, técncos de manutenção e demais operações, bem próximo ao aeroporto de Viracopos, com previsão de funcionamento a partir de maio do próximo ano.

José Mario Caprioli, presidente da Trip Linhas Aéreas e vice-presidente da Azul como marca integrada, complementa: “Quanto mais cedo pensarmos como uma única companhia e uma única cultura, mais chances teremos  de criar uma empresa que se perpetue no tempo e esteja entre as melhores companhias aéreas do mundo. Este é um avanço natural em nosso processo de integração, que nos traz ótimas perspectivas.”

“Foi uma  decisão que tomamos com muito cuidado, levando em consideração vários fatores estratégicos, visando o melhor para a companhia que está se formando. Ao unirmos as equipes fisicamente, ficaremos mais fortes e preparados para atuar em um cenário extremamente competitivo, que é o do transporte aéreo”, explica David Neeleman, presidente da Azul Linhas Aéreas e do Conselho de Administração da Azul Trip S.A.

Sobre a nova sede da Azul, vale acrescentar. O Edifício Castello Branco Office Park é um dos mais modernos edifícios corporativos de Alphaville situado em uma região com bastante acesso a itens de infraestrutura como restaurantes, shoppings, centros comerciais, linhas de ônibus, fretados e trens.  Ele faz parte de um complexo que  prevê a construção de oito torres e um hotel. No espaço do térreo, haverá uma praça, área de paisagismo, espelhos d’agua, quiosques, restaurantes e serviços.

A partir do dia 2 de dezembro, com o acordo de compartilhamento de voos entrando em vigor, os clientes da Azul terão mais de 100 opções de destinos de voo.


Fonte: Brasilturis Jornal

Um comentário:

Silvia Guitérrez Mora disse...

Enquanto aguarda a fusão da Azul com a Trip e estão no prédio novo, os funcionários podem conferir os restaurantes em barueri, para que possam fazer a integração da cultura e se tornarem uma única empresa.